Home

Dores menstruais: o chocolate alivia ou agrava?

Dores menstruais e o chocolate

Dores menstruais e o chocolate

O período menstrual vem acompanhado, para a maioria das mulheres, por uma vontade infinita de comer doces. Os desejos por chocolates são o denominador comum a muitas mulheres durante a menstruação. Mas se este tipo de alimento, a dita “comida de conforto”, é visto como uma boa forma de criar sensações de bem-estar, é preciso ter a percepção clara dos reais benefícios e das desvantagens que acarreta.
Na verdade, embora muitas mulheres pensem o contrário, o chocolate pode até agravar as cólicas menstruais.

Chocolate com mais de 60 por cento de cacau

Nem todo o chocolate contribui para o alívio dos desconfortos menstruais. Para que suscite alguma redução nas cólicas menstruais, o chocolate terá que ter, pelo menos, 60 por cento de cacau. Nestes casos, ajudará a aumentar os níveis de serotonina no organismo, promovendo assim uma melhoria na disposição da mulher e um aumento do seu bom humor. Os níveis de irritação e de ansiedade serão assim apaziguados, libertando-se das tensões e do stress. Este quadro global acaba por contribuir de forma decisiva para o alívio das dores menstruais.

O que motiva os desejos por chocolate

Os desejos por chocolate durante a fase da menstruação explicam-se pela maior produção de insulina que se verifica e que, por sua vez, promove um aumento de certas hormonas. Os níveis de açúcar ficam assim reduzidos, o que motiva que o cérebro envie para o corpo a mensagem de que precisa de mais energia.
Na verdade o organismo precisa de mais hidratos de carbono, tais como cereais integrais, o que ajudará a combater as cólicas menstruais. Contudo há a interpretação errada (e conveniente para muitas mulheres) de que o corpo precisa de chocolate!

Efeitos do chocolate nas dores menstruais

O chocolate contém níveis elevados de teobromina, substância alcalina que é um estimulante do sistema nervoso central e que, por essa via, pode acentuar as dores menstruais e o desconforto em geral. Esta substância pode agravar, no global, os sintomas associados à Tensão Pré-Menstrual, designadamente o estado de espírito e a disposição que são tão relevantes em termos do bem-estar da mulher nesta fase tão delicada.
A teobromina tem também propriedades diuréticas e, contrariamente ao que muitas mulheres pensam, não se recomenda o consumo deste tipo de produtos durante a menstruação.
O chocolate possui ainda cafeína, embora em níveis reduzidos, substância que é de evitar durante a fase menstrual.
O facto de conter cálcio, cuja intervenção no alívio das dores menstruais está comprovada, também situa o chocolate como um dos aliados no combate a este tipo de cólicas. Porém, é preciso ter em mente que nem todos os chocolates contêm níveis de cálcio relevantes. O melhor mesmo será tomar suplementos de cálcio.
O consumo de açúcar deve ser rigorosamente controlado, particularmente durante a fase menstrual, pelo que não são recomendáveis os chocolates demasiado doces. O ideal será consumir chocolate preto, em doses pequenas, com elevados níveis de cacau (mais de 70 por cento), se não puder mesmo resistir a esse apelo.

Dra Mariana Seixas

Artigo revisto em 02-07-2013 por Dra Mariana Seixas, Ginecologista na Clínica da Saúde Feminina.

 

Qualquer imprecisão, incorreção ou adenda a esse artigo devem ser comunicados atráves dessa página.


Patrocínios

O que achou do artigo?